Ar Comprimido

Por que o ar comprimido 100% isento de óleo é crítico no teste de motores a jato.

Para aqueles que têm medo de andar de avião, sempre é repetido o mantra “transporte aéreo é o meio mais seguro que existe”. De fato, a indústria aeroespacial é uma das mais exigentes em termos de qualidade, precisão e confiabilidade.

Por exemplo, quando um fabricante de motores a jato está desenvolvendo um novo motor, há testes extensivos que são conduzidos durante anos antes de seu lançamento comercial.

Alguns desses testes envolvem a exposição do motor em funcionamento a materiais que estarão presentes nas condições reais de voo, tais como água, granizo, neve, gelo, poeira, areia e detritos. Para realizar este tipo de teste em ambiente controlado, é necessário simular em solo as condições que estarão presentes em altitudes de voo. Para tanto, o ar comprimido é necessário como a fonte de energia que impulsiona os materiais de teste contra o motor, conferindo a energia e velocidade que teriam numa situação real. E para isso nem toda fonte de ar comprimido é adequada ou aceitável para estas aplicações que demandam vários milhares de pés cúbicos por minuto.

A qualidade do ar também é importante. O ar comprimido 100% isento de óleo é o padrão utilizado na indústria por uma variedade de razões.

O motivo mais óbvio é porque não existe presença de óleo na atmosfera durante o voo, de modo que os compressores de ar lubrificados com óleo não são adequados para tais testes.

Além disso, vestígios de óleo dentro da corrente de ar comprimido podem produzir dados de teste imprecisos. A indústria não tem tempo a perder com coletas de dados falhas, por isso é importante eliminar o risco de contaminação usando ar 100% isento de óleo.

Outro fator importante é que todos os materiais impulsionados através do motor são lançados de volta para a atmosfera. Os terrenos de teste geralmente são grandes áreas de campo aberto e se houver vestígios de óleo no fluxo de ar, isso poderia criar um risco de contaminação ambiental.

Além dos aspectos técnicos, a necessidade de uma qualidade de ar específica traz implicações de gestão de custos. Um compressor certificado conforme a ISO 8573-1 Classe Zero exige um alto investimento, e como os testes de turbinas a jato acontecem de forma pontual, não se justifica a imobilização de capital em um compressor que somente será usado em algumas ocasiões. Finalmente, existe a questão logística: um compressor isento de óleo normalmente é um equipamento de grande porte. E como os campos de teste muitas vezes são em locais diferentes, os custos de movimentação são relevantes.

Uma solução neste cenário, é a locação de soluções, que permite a entrega da configuração exata, no local necessário, somente pelo tempo exigido. E que traz o benefício adicional de agregar já o suporte dos profissionais que irão implementar e operar o projeto.

Vejamos um exemplo prático, no caso do Centro Nacional de Pesquisa, Desenvolvimento e Teste da Indústria Aeroespacial da República Checa (VZLU).

Sua necessidade do fornecimento de ar comprimido foi muito específica, e além disso também foi emergencial. Durante o teste de um dos equipamentos em desenvolvimento na VZLU, surgiu a necessidade de avaliar a configuração apropriada para um canal de by-pass. O teste já estava em andamento e requeria um compressor de ar 100% isento de óleo de modo quase que imediato.

A solução utilizada foi o novo compressor de ar da Atlas Copco Rental, modelo PTS 800 isento de óleo conforme a norma ISO 8573-1 e equipado com um motor diesel Stage 4 / Tier IV para máxima eficiência energética e menor emissão possível de poluentes. A escolha se deu principalmente devido ao fato do equipamento ser compacto e leve, o que ganhou um precioso tempo no processo de instalação.

“A Atlas Copco Rental forneceu o comissionamento e suporte técnico no local. Seu engenheiro de vendas e serviços estava acessível 24/7 no caso de algo dar errado. Mas tudo correu perfeitamente bem”, conclui Jan Kubata – Chefe do departamento de Motores.

Sobre Nós

Blog da Atlas Copco Rental Brasil

Todos os direitos reservados - 2018